sexta-feira, junho 18

EXPATRIADA


Sai do Brasil ha pouco mais de 10 anos. Ja fui estudante internacional, imigrante e agora sou uma "expatriada". Engracado como cada etiqueta tem seu peso, sua historia , causa reacoes e emocoes diferentes.

Ser estudante internacional e chic. Mesmo que voce more numa espelunca, mobiliada com moveis do exercito sa salvacao. Nao tem problema nenhum. Voce e um estudante. Mesmo que seja um estudante quarentao. No maximo, voce vai conseguir ser taxado de exotico, o que nao e nada mal.




Quando o nome muda para Imigrante, muita gente ja vai logo imaginando os trabalhadores das fazendas de cana do Brasil do seculo passado e os refugiados modernos, que chegam muitas vezes ilegalmente as terras onde se acredita correr leite e mel pelas ruas.

E o expatriado? Ah...o expatriado e a mais chic das etiquetas. Vem com salarios altos, pacotes sensacionais e um status de dar inveja ao estudante e ao imigrante.

Que grande baboseira!! Mas ja passou das 2 da manha e eu estou caindo de sono. Talvez amanha eu ja nem me lembre que pensei em tudo isso!!

Um comentário:

  1. ahahahah mas é por ai mesmo! ser expatriado é um upgrade.
    Já vi cenas engraçadas. Qdo morava no Brasil uma amiga minha que tinha uma vida muito simples falava: coitado de fulano, vive lá nos EUA. Ele deve ser triste pq não mora no Brasil. E o fulano tinha empresas, tava bem de vida, tinha uma família fantástica rs...

    ResponderExcluir