segunda-feira, julho 9

Hoa Lo Prison / Prisão de Hoa Lo


A prisão de Hoa Lo em Hanoi, no Vietnam foi onde os colonialistas franceses prenderam os presos políticos vietnamitas e também onde os americanos foram presos pelos Vietnamitas na Guerra do Vietnam.
A prisão começou a ser construída em 1886, quando o Vietnam ainda era parte da Indochina Francesa. Ali ficaram presos as pessoas que se opunham ao regime e queriam a libertação do Vietnam.
Homens e mulheres foram encarcerados, torturados e muitas vezes mortos nessa prisão. O prédio passou por várias reformas, e em 1913, sua capacidade passou de 460 para 600 presos. Esse número era simbólico, por que não era raro que a prisão fosse superpopulada, e que com o passar dos anos ela fosse usada para abrigar mais e mais presos políticos que eram mantidos em condições subhumanas de higiene e sobrevivência. Em 1954, suas paredes chegaram a manter mais de 2000 prisioneiros.
Não é a toa que os vietnamitas ainda guardem amargura em relação aos Franceses.

***********************

The Hoa Lo prison in Hanoi, Vietnam was where political prisioners were kept by French colonialists and later where Vietnamese kept American soldiers captured in combat, during the Vietnam War.
The prison was built in 1886, when Vietnam was still part of French Indochina.
 Men and women who opposed the political regime were imprisoned, tortured and often killed in this prison. The building has undergone several reforms, and in 1913 its capacity increased from 460 to 600 prisoners. This number was symbolic, because it was not uncommon to have the prison overcrowded. As the years went by, more and more prisioners were held there in subhuman conditions of hygiene and survival. In 1954, the inmates were more than 2000.




Durante a guerra do Vietnam, os soldados americanos capturados em combate eram trazidos para Hoa Lo, onde também eram mantidos em condições sub humanas e eram torturados para entregar inteligência americana aos vietnamitas.
Passeando pela prisão, nós vemos um retrato bem diferente do que realmente acontecia ali. Os vietnamitas tiraram fotos de pilotos americanos plantando hortas, criando galinhas, celebrando o Natal e jogando xadrez, vendendo a idéia de que os presos de guerra eram bem tratados.

Seja lá qual for a versão verdadeira dos fatos, a realidade é que até hoje o lugar tem uma energia pesada e uma aura de dor e sofrimento. As paredes escuras, as celas mal ventiladas e as zonas de confinamento são angustiantes para qualquer standard.

*********************************

During the Vietnam War, American soldiers captured in battle were also brought to Hoa Lo,  kept in sub-human conditions and were tortured by the Vietnamese who wanted to learn about American's inteligence.
Visiting the prison, one sees a very different picture of what really happened there. The Vietnamese show pictures of American pilots cultivating gardens, raising chickens, celebrating Christmas and playing chess, selling the idea of great treatment for war prisioners.
I won't be able to say who is telling the truth, but I can assure you this place is dark, sad and has a very heavy energy field all around it. Many men and women suffered here, many lives were lost. No one can erase it.

9 comentários:

  1. Inaie, muito interessante essa postagem. O tempo vai fazendo a gente se esquecer desses fatos. São tristes, mas muito cheios de realidade.
    Um abração
    Manoel.

    ResponderExcluir
  2. Deve ser sim lugar com eneria bastante carregada.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  3. Inaie querida, as fotos realmente transmitem uma energia triste...
    Eu não gosto muito de visitar estes lugares, mas temos que conhecer tudo, né?
    Beijos
    Vero

    ResponderExcluir
  4. Pois é, INaie, visitar este país não tem como não entrar em contato com as coisas da guerra que assolou tão enormemente este povo.
    Muito triste tudo isso e pensar que as guerras ainda continuam a pipocar por este vasto mundo.
    bjs cariocas

    ResponderExcluir
  5. O peso de lugares assim eh inacreditável. Não consigo imaginar que existisse de fato bons tratos em tempos de guerra... Nem mesmo em tempos de paz os direitos humanos são respeitados.

    ResponderExcluir
  6. isso me lembrou aquele filme, o menino do pijama listrado, em que eram veiculadas imagens lindas dos campos de concentração, com cafés e área de lazer...

    ResponderExcluir
  7. A energia do lugar deve ser mto pesada... para vc em plenas ferias perceber isso.

    :P

    ResponderExcluir
  8. impressionante. é verdade, tenho uns amigos do Vietnã e tudo que é francês eles ODEIAM! é bom que a memória desses lugares não seja esquecida, para que não se repita mais né? imagino a energia d lugar, deve ser mesmo mto densa...
    bjs

    ResponderExcluir
  9. Eu fico na maior dúvida, pensando: Se um dia eu tiver oportunidade de visitar um campo de concentração, eu vou ou não? Ao mesmo tempo que a curiosidade chama, o sentimento de angústia e uma depressão anunciada me afastam desse tipo de "passeio"...

    ResponderExcluir