sexta-feira, maio 25

Nasci na casa errada/ I was born in the wrong house



Tenho uma amiga que é tudo de bom nesse mundo. Acho que o único defeito dela é não saber dar castigo prá quem não se comporta bem.
Há um tempo atrás, minhas filhas e uma das crianças dela, fez uma guerrinha de ovo na piscina da casa dela.
O castigo?
Os três teriam que passar pelo menos uma hora na praia do clube no dia seguinte. Como eu não sabia que era castigo, só o filho dela foi punido. Pecado.

Esse mesmo filho recentemente não terminou um trabalho da escola a tempo. Depois de pensar e repensar ela chegou logo a um veredito:
- Vai ter que ter festa de aniversário esse ano. E não vai ser dois amigos jogando video game na sala não. Vai ser num dos restaurantes mais badalados de Bahrain. E pode ir convidando todo mundo da escola...

Por mais que eu pense, a única conclusão que eu consigo chegar é a de que eu nasci na casa errada!!!

PS - Todos os filhos dela são fofos, educados, gentis e bem resolvidos. Isso prova que o sistema de castigo é um sucesso...

**************************

I have a friend who is amazing. I think her only drawback is her inability to punish who doesn't behave properly. A while ago, my daughters and one of her children, decided to have  a little egg war in her pool.The punishment?The three of them would have to spend at least an hour on the beach club the next day. Since I did not know it was punishment, only her son was punished. Poor kid.
This same son recently failed to complete a school assignment on time. After thinking and rethinking what kind of consequence would be suitable, she decided:

- You will have to have a birthday party this year. And don't even think about inviting a couple of friends to come home and call it a party! It will be one of the finnest restaurants in town. And tomorrow you can go and invite everyone at the school ...The only conclusion I can reach is that I was born in the wrong house!PS - All her children are gorgeously well behaved, polite, courteous and respectful. This proves her system is a success ...

11 comentários:

  1. Deu ate vontade de ser crianca e morar com essa familia ai... ;)

    ResponderExcluir
  2. ahahha...mais os filhos nao recebem castigos,recebem premios.
    :D
    um beijaooo.

    ResponderExcluir
  3. Poxa,Inaie,quem ia adorar esses castigos é minha filha!

    beijos e bom final de semana,
    Sheyla.

    ResponderExcluir
  4. eu ri do post, mas eu sou bem rigida nesse sentido, e acho q com rafaella tbm nao vou dar mole,rsrs.
    bjs.

    ResponderExcluir
  5. Ôooo olha eu tb nasci na casa errada, rss
    os castigo lá em casa eram duros aff maria!!
    Nem em sonho penso em fazer o mesmo com meus filhos.
    Mas foi bom ao menos me tornei um ser ´´do bem´´kkk eu acho!!!

    ResponderExcluir
  6. Your blog is nice and interesting :)
    ps: I would like the flag of your beautiful country on my website :))
    thank you
    http://www.yerhotel.com/Milano/ilario

    ResponderExcluir
  7. Amiga Inaie!
    Vim retribuir sua visita em meu blog quando do post das cerejeiras.E também para lhe pedir mil perdões pelo lapso da não retribuição ao seu espaço.Mas o trabalho no Japão me deixa tão cansado que tem vezes que peco em não atualizar o blog.Milhões de desculpas ok? Eu tb acho que nasci na casa errada...Gostaria de ter nascido na casa do Eike!!rsrs.Um grande abraço, Rubi.

    ResponderExcluir
  8. Boa noite, querida amiga Inaie.

    Que engraçado!!
    Ela faz de conta...
    Se dá certo, tá certo.

    Tenha um abençoado fim de semana.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Isso me faz lembrar um castigo que meu primo mais novo teve, ele só queria comer salsicha... era para tudo. Ai a minha tia vai e fala agora vc vai comer isso tudo, era 1 kg de salsicha. Ai qd o menino termina de comer fala com ela:
    - Quero mais!

    hehehehehe

    ResponderExcluir
  10. Será mesmo que voce nasceu na casa errada? Lembra quando vc ganhou um ovo de Páscoa de seu pai logo depois de ter lhe contado q tirara nota baixa em matemática? Isso só é um dos exemplos...Inté!

    ResponderExcluir
  11. Inaie, gostei da metodologia! Vivendo e aprendendo.
    Abração
    Manoel.

    ResponderExcluir